Projecto "Escola Digital" está em Marcha

O concurso Escola Alerta tem como objectivos “sensibilizar e mobilizar os alunos para a participação da discriminação de que são alvos as pessoas com deficiência, através da eliminação das barreiras sociais, da comunicação, urbanísticas e arquitectónicas que dificultam ou impedem a acessibilidade e o pleno gozo da cidadania e, consequentemente, o exercício dos seus direitos”; “sensibilizar os alunos para os direitos humanos e igualdade de oportunidades, em particular das pessoas com deficiência”; “promover a participação das escolas e da comunidade na construção de uma Sociedade para Todos". 

Segundo o Regulamento do concurso os trabalhos são primeiramente avaliados a nível de escola que selecciona um único trabalho, seguindo este para o Governo Civil do distrito onde a escola esta localizada. O júri distrital avalia e apura um dos trabalhos em cada ciclo de ensino. Segue-se uma última fase, esta a nível nacional. Apurados os vencedores a nível distrital, o Governo Civil de Braga organizou, no passado dia vinte e oito do corrente mês, uma cerimónia para entrega dos prémios, que decorreu no Palácio dos Falcões, presidida pelo Senhor Dr. Fernando Moniz, Governador Civil de Braga e em que estiveram presentes representantes do Centro Educativo de Braga e do Júri distrital.

Na entrega dos prémios participaram os alunos e as professoras do CER, Carolina Sousa e Cristina Sousa e, ainda, um elemento da Direcção da CERCIFAF, bem como alunos e professores da turma do 9º F do 3º Ciclo da Escola EB 2,3 de Cabeceiras de Basto, vencedora da categoria 2 (3º Ciclo). Antes da entrega dos prémios o Senhor Governador Civil teve palavras de felicitações para os alunos e professores vencedores, elogiou os trabalhos apresentados e incentivou os presentes a continuarem a participar neste concurso. Disse ainda que iria fazer esforços no sentido de divulgar os trabalhos premiados como forma de motivar outras escolas e outros alunos a participarem nesta iniciativa.

Para além de lembranças para os alunos e diplomas não só para eles como, também, para as professoras, a CERCIFAF recebeu uma bonita medalha com “banho” de ouro (em caixa bordeau de cor escura) e ainda um prémio pecuniário no valor de 600 Euros, para aquisição de material (bibliográfico, didáctico ou informático), destinado aos alunos.

O projecto apresentado pelo CER, abordava o tema barreiras arquitectónicas nas escolas e na cidade, tendo sido assinada uma Carta de Compromisso entre os alunos e o Senhor Presidente da Câmara Municipal de Fafe, na qual a autarquia se comprometeu a fazer o possível para eliminar ou minimizar os problemas de mobilidade e acessibilidade no nosso concelho.

| Página optimizada para uma resolução de 1360x768 ou superior. | Google Chrome v.22 ou superior. | Webmaster roger@cercifaf.pt |